Experimente o  o modo escuro em seus gadgets, seus olhos, seu bolso e a natureza agradecem…

Malefícios não só aos olhos:

Atualmente grande parte da humanidade passa grande parte de seu tempo em frente a gadgets e embora seja uma atividade prazerosa é maléfica a saúde

principalmente aos olhos pois dizem os especialistas, que isso gera a fadiga ocular, um reflexo da exposição excessiva da visão às telas de computadores, tablets ou celulares leva ao desenvolvimento da chamada síndrome da visão de computador, caracterizada pelo ressecamento ou irritação dos olhos, entre outras coisas. O fundo branco a que os olhos ficam expostos dos gadgets emitem raios ultravioleta e eletromagnéticos que prejudicam diretamente a cútis(película que cobre o globo ocular).

O brilho da tela é um dos fatores responsáveis pelos casos de baterias de celulares que se esgotam em apenas algumas horas após a última carga.

Estudos recentes comprovam que a luz visível, gerada pelo monitor de computadores e televisores, pode provocar manchas no corpo e o envelhecimento da pele. Em última instância, essa exposição chegaria até a desencadear o aparecimento de câncer de pele do tipo sensível à luz.

Dermatologistas de acordo com pesquisas atuais têm demonstrado que a luz visível influencia no envelhecimento cutâneo muito mais do que se imaginava até então. Eles ainda afirmam que não somente os monitores de computadores, como também outros equipamentos que emitam luz podem ter impacto na saúde da pele.

Para um menor impacto desses efeitos mantenha uma distância mínima de 50 cm de distância da tela. Lembre de piscar os olhos…isso mesmo piscar os olhos, pois é cientificamente comprovado que a frente de qualquer monitor se pisca 10 vezes menos que o normal. E use o modo escuro sempre que possível. Esse modo ainda ajuda a descansar a visão.

Seu bolso:

“A diferença no consumo de energia é de aproximadamente seis vezes entre uma tela normal em brilho máximo e uma em modo escuro com intensidade máxima”, explica o site Lifehacker, que tem como referência testes realizados pelo Google com o celular Pixel e o sistema Android.

Fonte: https://veja.abril.com.br

Experimentos feitos e conduzido por robôs que executavam uma série de funções em determinados apps, como usar o programa “Mensagens”, nativo do iPhone, por duas horas seguidas. No iPhone XS Max no modo escuro o nível de bateria foi para 88%, enquanto no modo regular caiu para 83%. Ficar no Twitter® por duas horas fez a bateria diminuir para 72% no iPhone, com modo escuro; já no modelo regular, caiu para 57%. Com o YouTube, pelo mesmo tempo, o nível foi a 43%, no primeiro telefone, e a 20%, no segundo. Já no último teste, usando o Google Maps, o iPhone no modo claro desligou, pelo fim da bateria, enquanto o no modo escuro terminou a operação com cerca de 30% do total.

Fonte: https://g1.globo.com

Além do que já foi descrito acima a durabilidade de qualquer monitor é muito maior devido ao modo escuro não “ligar os pixels” por mostrar o preto, que não necessita de pixels ativos.

Veja no exemplo abaixo pixels acesos(ligados) no meio da imagem e mais a direita. E pixels apagados(desligados) nos cantos superior e inferior a esquerda.

A natureza agradece:

Aí a justificativa é simples e rápida !! Quanto menos calor qualquer equipamento eletrônico gerar, menor é seu desgaste e o tempo de seu descarte devido a sua maior durabilidade. E quanto menor o descarte, menor a poluição !

Habilitando o modo escuro no Android, iPhone e Windows

Android: Vá em ajustes > visor > modo noturno.

iPhone: Vá em ajustes > geral > acessibilidade > adaptações de tela > inverter cores > inversão inteligente.

Windows 10: Clique com o lado direito do mouse na área de trabalho > personalizar >selecione cores nas opções do lado esquerdo > e a direita na opção escolher a cor > selecione escuro. Como demonstrado na tela abaixo:

iPhone Copyright © Apple todos os direitos reservados.

Windows Copyright © Microsoft todos os direitos reservados.

Minha experiência pessoal:

Já uso óculos e um colírio a base de Carmelose Sódica (quase a mesma composição da lágrima dos olhos), devido aos mais de 20 anos em que fico a frente de monitores.

Muitas vezes, mais do que 12 horas por dia.

“Passei a usar o modo escuro em todos os gadgets e softwares que proporcionam o uso do modo escuro.

Antes meus olhos ficavam vermelhos no final da tarde e algumas vezes eu tinha leves dores no fundo dos olhos. Cansaço ocular mesmo !

Percebi uma melhora significativa em minha visão como um todo após o uso do modo escuro. E também já aferi e comprovei uma maior durabilidade do tempo de carga da bateria de meu smartphone e de meu notebook também”.

                                                                                                                                                                                          Helbert Flecha

Experimentem e tirem suas próprias conclusões !

Service Desk – Flechatec